Sobre o verdadeiro pecado!

Sobre o verdadeiro pecado!
"O primeiro pecado da humanidade foi a fé; a primeira virtude foi a dúvida." Carl Sagan

quinta-feira, 21 de abril de 2016

Da bela, recatada e do lar à frustradas com ódio das feministas.

Da bela, recatada e do lar à frustradas com ódio das feministas.

Tem reportagem circulando na internet falando que as mulheres feministas e de valores deturpados “odeiam” a Marcela Temer, por ela ser “bela, recatada e do lar”. Santa imbecilidade! Eu não odeio a Marcela, nem conheço a coitada! Nem sequer o marido dela, por quem não nutro nenhuma simpatia, eu odeio.
Pessoalmente, eu não odeio ninguém que não tenha me feito diretamente algum mal e, se fizer, o máximo que vou fazer é dar uma boa resposta e quiçá fazer uma vingancinha, mas jamais me permitirei ter um sentimento ruim dentro de mim. Um sentimento que só irá prejudicar a mim mesma e fazer mal para minha linda e sedosa pele, enfim.
O que eu tenho asco é da imprensa machista de direita que, em pleno 2016, erige a grau de “modelo” de felicidade feminina e de retidão moral a cidadã que está em casa, por trás do grande homem. Quiçá suportando chifres, desrespeito e menosprezo, quiçá omitindo o seu pensar, as suas ideias, os seus valores.
Quiçá falando mal de todas as mulheres de espirito de alma livres que são tudo o que elas não têm coragem de ser, quiçá abafada pelo marido “perfeito” segundo a Veja, afinal, a negritude dos relacionamentos nunca são ou serão expostos.
Fico boquiaberta que, numa reportagem que fala do “ódio” das feministas à Marcela (justo nós feministas que cagamos e andamos para conceitos retrógrados, cafonas e imbecis de felicidade feminina), vem taxar-nos de “vadias”. A reportagem que atribui a feministas que, pura e simplesmente, fizeram uma inocente campanha mostrando ao mundo que as mulheres podem ser felizes desbocadamente no bar e não no lar, chama mulheres desconhecidas de “vadias”.
É gente, é a extrema direita feminina propagando o machismo e, aí sim, o ódio entre as mulheres. Tudo o que nós feministas odiamos! Verifique na internet, nenhuma campanha feminista ofende a moral da Marcela, da mulher bonita e elegante Marcela Temer, mas daí vem uma mocinha que se sentiu ofendida, porque, no fundo é uma frustrada recatada e do lar, e chama as feministas de vadias! Caraca queridinha! Quem sabe você procura um terapeuta? Um sexólogo? Vai gozar e deixa de ser frustrada. Acho digno.
Cláudia de Marchi

Brasília/DF, 21 de abril de 2016.

Nenhum comentário:

Postar um comentário