Sobre o verdadeiro pecado!

Sobre o verdadeiro pecado!
"O primeiro pecado da humanidade foi a fé; a primeira virtude foi a dúvida." Carl Sagan

terça-feira, 15 de setembro de 2015

Dicas.


Dicas. 
Eis que graças ao pedido de um aluno não irei escrever apenas esculachando homens toscos no meu blog! Agora a nova “temática” é “instruir” a parte infame do sexo masculino a se tornar “algo” menos fútil, superficial e idiota.
Então, vamos à primeira postagem da “professora Cláudia por um mundo de homens melhores”: Amigo homem, primeiramente, você se gosta? Você se admira? Ou você só gosta do que tem? Carros, casa, bens, dinheiro, aparência, posses, empresa? Então, se você se gosta, se você tem orgulho de tudo o que fez e das escolhas que tomou na vida, se você vive bem consigo mesmo, então pode pensar em se relacionar com alguém.
Agora, meu amiguinho, veja que tipo de relacionamento você deseja: quer sexo? Quer amizade colorida? Quer namoro instável? Quer namoro sério? Visto isso, aprenda a analisar a conduta feminina e ser seletivo, afinal, seu adorável órgão sexual não foi encontrado no lixo (deduzo, obviamente). Acredite, existirão as mulheres que só querem sexo, as que só querem amizade e as que só querem namoro.
Nenhuma delas é obrigada a lhe querer, nunca se esqueça disso. Fato é que, cabe a você descobrir, no entanto, porque ela quer uma coisa ou outra. Pode ser que exista até mulher que queira casar e ter filhos, mas desde que o cara seja endinheirado, logo, se você é pobre, nem invista, porque o pé na bunda será inevitável.
E, se você for rico, abre o olho, porque de nada adianta chama-la de “biscate” se você é otário o suficiente para ficar com a dita cuja que só aproveitou a oportunidade para colocar a “perereca a juro”. Enfim, é obvio que uma mulher em busca de um provedor será praticamente “muda” diante de qualquer disparate, logo você vai adorar o ser “servilismo”!
Mulher assim contenta-se com sexo meia boca, ausência de romantismo, de afeto, de atenção, de dialogo, de cultura, enfim, se contenta com um cartão de crédito, uma viagem, bebida de boa qualidade e jurará amor eterno e que você é o “melhor amante” do mundo! Abre o olho, orelhudo!
Enfim, analise a pretendida e sopese seus atos: seja atencioso, seja romântico, seja doce, seja gentil, mas, se apesar de tudo a mulher se mostrar uma inculta, mal educada e grossa, então jovem rapaz, caia fora! Sabe o brocardo “dar a César o que é de César”?
Logo, não é qualquer uma que merece um homem intelectual, interessante, romântico e inteligente, logo, se a criatura despreza isso tudo, saia de perto! Enfim, homens, aprendam a valorizar quem lhes valoriza e merece, as demais, mandem se f****! Ah, ultima dica: ser romântico não é sinônimo de ser trouxa, viu?!
Não deixe nenhuma criatura lhe fazer de capacho, lhe mandar, lhe tirar bens e brio, mulher pega nojo de cara servil que aceita coisas inaceitáveis. Se vocês gostam de uma “dama na sociedade e uma puta na cama”, a gente gosta de um “lord” que beije nossas mãos na sociedade, um macho alfa (que beije tudo, inclusive os nossos pés) entre quatro paredes e um homem mais macho que nós mesmas no trato conosco, podendo ser até um pouco “marrento” no trato com os outros!
Homem frouxo não, por favor! Não se esqueçam de que a mulher que um homem ama revela mais da moral dele do que da dela. Um cara de valor, não fica com mulher sem valor. Portanto, antes de tudo, descubra qual é o seu.

Cláudia de Marchi

Sorriso/MT, 15 de setembro de 2015. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário