Sobre o verdadeiro pecado!

Sobre o verdadeiro pecado!
"O primeiro pecado da humanidade foi a fé; a primeira virtude foi a dúvida." Carl Sagan

terça-feira, 13 de outubro de 2015

Se relacionar, se apaixonar e amar: não confunda!

Se relacionar, se apaixonar e amar: não confunda!

Estar numa relação séria não significa amar, não significa nem estar apaixonado. Você se relaciona para conhecer mais a fundo alguém, deste conhecimento pode surgir o amor, a paixão ou o desgosto! As pessoas estranham, porque pouquíssimas assumem uma relação séria com alguém atualmente.
Parece medo, receio, então quando alguém namora pensam "ai que lindo, ela encontrou o amor da vida dela!". Ah, deixe de ser besta! Eu, pessoalmente não sei "conhecer" ninguém a fundo sem certo convívio, família, contato. Portanto, não pense que estou apaixonada, apenas porque estou namorando.
Namorar, ter algo sério com alguém nunca foi uma dificuldade na minha vida. Eu gosto de intimidade e não imagino como conhecer alguém um pouco, apenas “saindo” transar com ela eventualmente e tendo um mundo de outras pessoas dando em cima de mim. Eu não sei “ficar”, nunca soube e nem quero aprender.
Sei lá, ou rola compromisso, ou rola um “tchau, be happy”. Eu só sou fiel a quem se compromete comigo, simples. Do contrário, vai ter conversa com outros no whats, vai ter janta com amigas e amigos, vai ter “olhada” para o lado e assim por diante. Portanto, namoro, pra mim, não é indicio de “amor, eterno amor”.
Mas as pessoas, românticas ou tolas, começam com suas deduções caretas: “Ah, mas esta namorando então está apaixonada?". Nem sempre. O único amor imutável que sinto é por mim, fora isso vou do gostar muito ao desprezo em pouco tempo! Basta não gostar do que vejo, ouço, sinto! Fotos bonitas não significam paixão, relacionamento não é sinônimo de amor e estar com alguém em nada se liga ao "pra sempre" que, corriqueiramente, acaba.
Um relacionamento sério pode ser que vá longe, pode ser que não dure uma passagem de mês ou ano, pode ser que vire amor, pode ser que não vire nada, só aprendizado! Eu não me quedo acomodada, isso é verdade! É bom fica, não é bom sai! Simples, a vida é curta demais para “frescuras”, para se apegar ao que não faz bem, ao que não dá frio na barriga, ao que não sabe mimar, cuidar e cultivar a conquista.
Um namoro é apenas o começo de uma conquista. Tem quem conquiste inicialmente e faça por perder logo depois, enfim, o “bicho homem” nem sempre lida bem com segurança e acha que, porque “assumiu”, então agora ganhou a “propriedade” do coração da mulher. Erro rude amigo, erro feio!
As pessoas deveriam se desapegar das aparências antes de julgar o estado de espírito ou emocional de alguém, às vezes onde elas veem profundo amor, há respeito e afeto, nada além. Noutras vezes, há paixão em nosso coração e ninguém ao nosso lado! Enfim, as coisas "humanas" não são óbvias ou previsíveis e cada pessoa é diferente da outra.

Claudia de Marchi

Sorriso/MT, 14 de outubro de 2015.

Nenhum comentário:

Postar um comentário