Sobre o verdadeiro pecado!

Sobre o verdadeiro pecado!
"O primeiro pecado da humanidade foi a fé; a primeira virtude foi a dúvida." Carl Sagan

quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Da rivalidade machista feminina.

Da rivalidade machista feminina.

A minha “inimiga” é a piriguete. A minha “inimiga” é a secretária siliconada do meu marido. A minha “inimiga” é a gostosona bem sucedida. A minha “inimiga” é a colega de escritório do meu namorado. As minhas “inimigas” são as amigas do meu namorado que eu debocho chamando de “amiguinhas”. A minha “inimiga” é a aluna sacana do meu marido professor.
A minha inimiga é a “babá” bonitinha. A minha “inimiga” é a minha conhecida extrovertida. A minha “inimiga” é qualquer mulher que se aproxime do macho que eu chamo de “meu”... Não querida, não! Simplesmente pare!
Você só esta sendo uma estúpida machista que vê na outra uma concorrente. A sua inimiga (sem aspas) se chama carência de bom senso e, em qualquer caso, em que qualquer mulher do mundo, bonita ou não, flerta com seu companheiro e ele retribui, a sua inimiga (sem aspas novamente) será a “escrotice” moral do homem que você chama de seu.
Não atribua a outras mulheres a tarefa que o seu “qualquer coisa” tem no relacionamento: a de lhe amar e respeitar. Ainda que você ande meio fria na cama, ainda que você não lhe dê atenção, ainda que o sexo esteja ruim, querida, o dever do sujeito é dialogar com você, não lhe humilhar saindo com outra.
É tarefa do machismo e da sua perpetuação que uma mulher veja a outra como inimiga e se desunam. Volte duas casas e encontre o seu bom senso! Depois siga e, por favor, melhore! Nesse contexto deixo a dica para a jornalista gaúcha que escreveu uma pseudo reportagem ridícula sobre o affair do Bem Affleck com a babá mau caráter que agora virou celebridade.
Jornalista gaúcha sendo... Estupidamente machista! "Que mulher contrata uma babá dessas?". Uma mulher autoconfiante, inteligente e linda! Sempre sofri com implicância de esposa (insegura e recalcada) de chefe, logo não aceito esses comentários! Essa pseudo jornalista escreveu uma matéria infame e machista jogando a culpa pela suposta traição na beleza da moça!
Nem toda mulher bonita é vadia e flerta com o marido da patroa, ademais quem deve ser criticado é o idiota que traiu a esposa mil vezes mais rica e muito mais que a dita cuja. Ela foi oportunista, poderia não ter sido, mas foi! Agora, aquela pseudo reportagem incentivando o menosprezo moral das mulheres, babás ou não, mas belas me anojou!
A amante atribui culpa a atitude do cara com quem faz sexo às escuras à esposa do cidadão, porque deixa ele "carente", porque não faz o que ele gosta na cama e por aí a fora! A esposa culpa a "putice" da amante pela traição e acaba tendo "peninha" do macho traidor! Enfim, os homens sempre lucrando com a falta de empatia feminina em sua defesa. 
Cláudia de Marchi

Sorriso/MT, 11 de agosto de 2015. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário