Sobre o verdadeiro pecado!

Sobre o verdadeiro pecado!
"O primeiro pecado da humanidade foi a fé; a primeira virtude foi a dúvida." Carl Sagan

terça-feira, 8 de março de 2016

Para as mulheres no seu dia!

Para as mulheres no seu dia!
Mulheres hoje é o nosso dia, mas todos os outros são! Temos muitos avanços conquistados por mulheres aguerridas, sim, pelas feministas: podemos votar, trabalhar fora, opinarmos, termos leis que, infelizmente e em locais de polícia machista, preconceituosa e relapsa, parecem inócuas, mas que existem para nos defender.
A nossa luta é grande! Recebemos 30% menos do que os homens de salário e seguidamente trabalhamos mais, além de termos devoção aos rebentos que muitos pais negligenciam ou só pegam no final de semana pra tirar foto/selfie para as "gatinhas" imaturas, iludidas e à caça de um "dote" acharem que ele é um bom pai.
Por resquícios de nossa criação machista rivalizamos umas com as outras, seja porque a outras exerce sua liberdade sexual como lhe apraz, seja porque usa roupas que fazem o Valentino se arrepiar, seja porque malham tipo loucas para serem marombadas, seja pela parca seletividade para escolher parceiros sexuais.
Gosto, cores, corpos, pudores, princípios e amores não se discutem, mas respeito todas merecem! A mulher que vive de forma diferente de você não é piranha, e o fato de você chamá-la assim denota a sua insegurança e a sua mediocridade! Respeite as mina, porque se você não respeitar o patriarcado não vai, e hoje a "piranha" é ela, amanhã vai ser você, porque não quis sair com o tosco ou porque se iludiu e deu uns amassos num escroto garanhão (quem nunca!).
Fato é que a culpa será sempre nossa e se nos unirmos não precisaremos mais ter medo de assédio, de desrespeito, de relação abusiva. Rivalizar com outras mulheres é o mote dos abusadores psicológicos para lhe afastar do universo e poderem lhe manipular, ofender e usar-lhe sem que ninguém intervenha, afinal, para ele, as suas amigas são umas "vadias sem moral". E assim ele enaltece seu ego, mantém sua boca calada e, você, tola e apaixonada, concorda com ele na vã ilusão de que é "única". E será: sozinha, solitária, padecendo de abusos psíquicos numa relação abusiva que prospera entre ofensas, entre o tradicional "você é louca", sucedidas de lindas declarações de amor, pedidos de perdão e juras de mudança!
Este dia é para refletir: se olhe no espelho e veja que você é mais e que não merece que o patriarcado limite o seu autoconceito: você é forte, inteligente, charmosa, você pode tudo, começando por dizer "basta" a toda forma de desrespeito que você enfrenta só por ser mulher.
Você é linda, só lhe falta se amar de verdade, olhar no espelho e dizer: "Eu já sofri o que chega! Agora eu sou minha, só minha e não de mais ninguém! E toda essa maturidade, bondade, charme e beleza, só terá acesso quem fizer muito por merecer, até lá ela é somente minha!". Enfim, à todas minhas leitoras, amigas e até àquelas que não "me gostam" por mero recalque, ausência de interpretação de texto e discordâncias tolas: parabéns pelo nosso dia! 
Cláudia de Marchi

Nenhum comentário:

Postar um comentário